Melhores carnes para churrasco

Melhores carnes para churrasco

É de conhecimento generalizado que, todo brasileiro de forma ampla, é fascinado por futebol, cerveja e churrasco. Em um país com forte pecuária e com uma cultura gaúcha – derivada da Argentina e Uruguai, e posteriormente do Sul do país – este tipo de culinária enche a boca dos nascidos por aqui que são apaixonados por carne. Mas entre os milhões de habitantes desse país, poucos são os que realmente sabem escolher uma carne para churrasco de forma satisfatória para agradar o paladar de seus convidados.

É difícil simplesmente dizer quais carnes são boas churrasco, pois há diversos fatores que devem ser levados em consideração (desde o sabor até o preço que você está disposto a pagar), mas preparamos um guia completo para você escolher uma boa carne, ensinando como escolhe-la, qual corte comprar e como assar de forma correta para que você faça um churrasco de mestre, gastando mais ou menos dinheiro.

Também colocamos alguns vídeos de acordo com o corte de carne, para que você saiba como manusear a peça. Em todo caso, prepare sua faca e comece a ler nosso guia e torne-se o churrasqueiro da turma.

Em nosso guia completo você vai aprender todos os passos, desde ir até o açougue e comprar uma carne apropriada, até assar e conquistar seus convidados com uma carne deliciosa e macia. Confira abaixo nosso índice e saiba tudo que você irá aprender.

Em nosso sumário acima você pode ir direto a parte de nosso guia que mais lhe interessa, basta clicar.

Como escolher a carne

Primeiramente, você deve ter uma pequena noção de como comprar carne. Escolha um açougue ou supermercado de confiança, preferencialmente um em que você conheça o açougueiro. Caso você queira comprar uma carne cortada na hora – que são mais baratas – observe que a cor deve ser um vermelho puxando um pouco para o rosa. Neste caso, evite as com coloração muito escura, pois geralmente significa que foram ‘queimadas’ pelo excesso de gelo durante o armazenamento ou transporte.

Já se você estiver comprando carnes maturadas, aquelas que vêm em pacote a vácuo e que são mais caras, procure aquelas que não têm muito sangue no pacote, pois isso significa que a carne já perdeu boa parte de seu suco – e este tipo, claro, não é uma boa carne para churrasco, pois o suco é totalmente necessário para garantir a maciez e sabor do seu assado.

Como escolher carne para churrasco

No caso da gordura, certifique-se que ela seja uniforme (sem cortes ou retalhos feitos a faca) e que tenha cor amarelo claro, como manteiga. Evite ao máximo carnes com gorduras de cor amarelo tipo gema de ovo, pois isso evidencia um corte de má qualidade, provavelmente proveniente de boi velho.

Seguindo estas instruções iniciais, já podemos escolher um corte que irá agradar de forma geral o público de seu churrasco.

Carnes para churrasco

Como sabemos, há diversos cortes de carne. Alguns custam mais e outros menos, mas isso não é levado em consideração por um churrasqueiro experimente, pois qualquer carne pode ser deliciosamente apreciada quando sabe-se fazer.

Picanha

Churrasco de picanha

Um dos cortes mais desejados. Seja pela maciez, sabor, posição das fibras ou equilíbrio entre gordura e carne. É o corte em formato triangular, com uma capa de gordura por cima. Aliás, fique de olho nessa gordura: ela não pode passar de 1 cm, deve cobrir toda a peça e, como já dito anteriormente, deve ter cor de manteiga.

É uma carne fácil de fazer, pois basta tempera-la com sal para que fique divina. Caso deseje fazer em bifes, corte-os com cerca de 2 cm. Já se for fazer no espeto, cada corte deve ter por volta de 5 cm. Não faça essa carne em pedaços finos ou deixe-a passar demais do ponto, pois ela irá ficar dura.

Para assa-la, coloque em uma brasa bem quente, mas em um andar intermediário na churrasqueira. O processo não é tão rápido e deve-se esperar o sangue subir para a superfície para virar o pedaço.

A picanha é uma das melhores carnes para churrasco, mas seu preço não é dos mais baratos. Inclusive, para não ser enganado, saiba que uma peça de picanha tem no máximo 1,3 kg. Se levar mais que isso, saiba que você também está levando colchão mole para casa.

Aprenda abaixo como preparar um churrasco de picanha:


Maminha e Fraldinha

Churrasco de fraldinha

Duas carnes espetaculares, mas que deve-se ter um cuidado, principalmente com o corte. Peça para um açougueiro de confiança cortar, pois tais carnes devem ser cortadas na transversal, do lado contrário a fibra.

São carnes de preparo rápido, que não precisam ficar muito tempo no fogo. Mas, como todo churrasco de excelência, caso você tenha paciência e deixe-a por bastante tempo em fogo baixo, o resultado será mais satisfatório. Mas cuidado: estas carnes fora do ponto alteram o sabor!

Assim como a picanha, após colocar na churrasqueira e o sangue subir para a superfície, é hora de virar o lado. Vale ressaltar que são carnes deliciosas para se fazer inteiras, ou seja, sem cortar a peça em bifes ou pedaços.

Aprenda abaixo como preparar um churrasco de de fraldinha:


Filé mignon e Contrafilé

Churrasco de filé mignon

O filé mignon é um dos cortes mais nobres do boi e o contrafilé é um parente distante mas tão saboroso quanto, basta saber fazer.

No caso do filé mignon, é uma carne excelente para churrasco quando feito na grelha, com pedaços grandes ou tipo espetinho.

Já o contrafilé é uma carne de muito suco, e portanto, preferencialmente servida mal passada ou no ponto, mas que todo o sabor seja extraído no paladar. Lembre-se de ter cuidado para não perder tal suco cortando demais a carne.

Aprenda abaixo a como preparar um churrasco de filé mignon:

Caso queira ver um vídeo ensinando a fazer com contrafilé, assista este vídeo.


Alcatra

Churrasco de alcatra

Fica na parte traseira do boi e é um corte muito saboroso sem gastar tanto. Um churrasco de alcatra não demora para sair (leva-se cerca de 20 a 25 minutos), principalmente porque ela é mais desejada quando feita na grelha e não em pedaços inteiros ou grandes. Como é uma carne que seca rápido, corte bifes de aproximadamente 2 ou 3 cm.

Aprenda abaixo a fazer um churrasco de alcatra:


Cupim

Churrasco de cupim

Um dos pedaços mais macios, porém não muito simples de preparar. Como é um conjunto de fibras entremeadas de gordura, seu preparo requer mais tempo para um resultado de qualidade.

Caso você queira arriscar-se a fazer, enrole a peça de cupim em papel celofane e coloque-a para assar com muito tempo de antecedência, pois a carne necessita de bastante tempo para assar. Após finalizado este processo, retire o papel e deixe-a bronquear no mais alto andar da churrasqueira, não muito próxima do fogo.


Quanta carne comprar?

Quanta carne comprar para um churrasco?

Evite desperdícios e compre a carne necessária para a quantidade de convidados. A média geral, usada para todo bom churrasco é de 400 gramas de carne (crua) por pessoa, quando há acompanhamentos, como arroz, aipim, pães e saladas, por exemplo.

E é claro, esse número já inclui “sobras”, para que as pessoas que comem mais ‘supram’ indiretamente pelas que comem menos. Mas caso você esteja fazendo churrasco para, por exemplo, homens famintos após uma caçada de 3 dias pela floresta amazônica, pode aumentar um pouco a quantidade de carne.

Como fazer churrasco

Ao longo do texto, também colocamos uma série de vídeos ensinando como fazer churrasco, com um dos mestres dessa arte: Marcos Bassi. Caso você queira ver todos os vídeos dele, basta clicar neste link ou procurar por seu nome no YouTube.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *